Você está aqui: Home » Boca no Trombone » Bote a Boca no Trombone

Bote a Boca no Trombone

Este é o espaço para você fazer a sua reclamação, deixar o seu protesto. Sua rua está mal iluminada? O parque não está conservado? Problemas com lixo e esgoto? É só deixar seu comentário aqui embaixo para você botar a Boca no Trombone!

Deixe um comentário

*

Comentários (126)

  • Roberto

    Toda madrugada de 2a para 3a feira ocorre um jogo de futebol na quadra pública da Escola Municipal da Av Jornalista Ricardo Marinho. Esses jogos ocorrem sempre entre 01:00 e 04:00 hs, pasmem, aos gritos, palmas, palavrões, etc… A quem podemos recorrer?

    Responder
  • Roberto Pontes

    Prezados, todas as segundas-feiras de madrugada (aproximadamente de 02:00 às 04:00 hs) um grupo de pessoas joga futebol na quadra do EM Sérgio Buarque de Holanda. Nesse horário impensável, jogam aos gritos, palavrões, sem nenhum tipo de intervenção de quem quer que seja! Será que estou sonhando, delirando, ou é a mais absurda realidade? A quem recorrer?

    Responder
    • amarosas

      Tratava-se de um grupo de garçons, moradores do rosas, que após o trabalho organizavam este futebol. Já foi conversado com os “atletas”.

      Responder
  • Dauter

    lendo a matéria sobre “barulho” no parque das rosas, resolvi fazer a minha também. Minha reclamação tem anexo um alerta e diz respeito aos helicópteros que acessam o Golden Green. Diariamente são vários pousos e decolagens, sendo que nos feriados praticamente triplicam. Além do barulho que não permite ouvir tv e/ou rádio, usar telefone e até conversar se o apto não estiver com as janela fechadas. Existe o caso particular de um helicóptero verde, frequentador assíduo do heliporto, que vez ou outra vem sobrevoando a av. jornalista Ricardo Marinho e passa a menos de 15m de distância do prédio Rosa da Barra na altura do 6º andar. Sou leigo no assunto mas o dia que, e se, ocorrer uma pane com um aparelho desse, o estrago poderá ser grande. Da minha janela observo que o ponto de pouso deve estar a menos de 30m de um dos prédios do próprio Golden Green, onde o barulho deve ser pior ainda, Caso ocorra um acidente, uma pá da hélice alcançar o prédio não deve ser difícil. aguardemos o que nos reserva a sorte.

    Responder
    • amarosas

      Esta pratica tinha parado, após uma intervenção da Câmara Comunitária da Barra da Tijuca. Como neste país tudo tem que ser acompanhado de forma contínua, já solicitamos através da CCBT, para que eles utilizem a rota na época determinada.

      Responder
  • Elizabete Gualtieri

    Bom dia. Há quase uma semana “se instalou” um galo em frente ao meu edifício (Rosa da Praia), junto à viatura policial. A princípio pensei que fosse algo temporário, que fosse alguma “brincadeira” de alguém, mas com o passar dos dias e a permanência do bicho em frente ao meu prédio, comecei a me preocupar. Há uma semana eu e o meu marido não conseguimos ter uma noite de sono completa e tranquila por causa do canto do galo, que começa às QUATRO DA MANHÃ!!!!! Isso prejudica extremamente a nossa saúde e as nossas atividades no trabalho. Além disso, certamente este ambiente não é o melhor para o próprio bicho. Enfim, é uma situação que, para nós, beira o desespero! Estamos pensando inclusive em nos mudar daqui caso este problema não seja resolvido. Ontem conversei com os policiais, e o galo e a galinha d’angola que também está aqui viraram “mascotes” deles, ou seja, aparentemente o ânimo é de que o galo ficará aqui por tempo indeterminado, o que aumentou a minha preocupação, ansiedade e desespero diante da situação, pois eu e o meu marido precisamos dormir em paz durante a noite toda, para a nossa saúde, e para aguentar o batente do dia a dia! Por isso solicito a esta associação providências URGENTES para a retirada do galo desta área! Estou no aguardo. Obrigada.

    Responder
    • amarosas

      CONTACTAMOS A SOCIEDADE PROTETORA DOS ANIMAIS, E NOS FALARAM QUE NÃO É DE RESPONSABILIDADE DELES O RECOLHIMENTO. O FATO É QUE NÃO TEMOS MAIS VISTO O GALO NO LOCAL, SOMENTE TENHO VISTO A GALINHA, QUE PARECE NÃO INCOMODAR NINGUEM.

      Responder
  • amarosas

    Em primeiro lugar gostaria de me desculpar pela demora em responder a sua sugestão, sobre a instalação de um SPEED TABLE, que facilite a travessia em frente ao Shopping Barra Square. Seu questionamento neste sentido é bastante pertinente, e já esta nas reivindicações feitas pela AMARosas na subprefeitura a bastante tempo. O problema é que a velocidade do poder público nem sempre é de acordo com a nossa necessidade. A principio esbarramos num problema técnico, pois pela norma da CET RIO, não é permitido colocação de travessia de pedestre próximo a curvas, mas estamos tentando contornar esta situação pois esta travessia é primordial.
    Quanto a calçada da Avenida das Américas, várias alterações estão sendo feitas, por conta da obra do BRT e certamente esta calçada será contemplada.

    Continue participando, pois somente desta forma uma associação se torna forte e participativa.

    Responder
  • V. Alexandre

    Sugestões:
    1) Implantar lombada larga, para travessia de pessoas, em frente ao supermercado Zona Sul. Temos muitos idosos nesta região
    2) É um absurdo, que ainda não tenha havido solução, para fazer uma calçada na esquina da Avenida das Américas com a Avenida General Felicíssimo Cardoso (ao lado do Marapendi). Lugar de travessia perigosíssima, já que não tem calçada

    Responder
  • Rodrigo

    Bom dia, aguardo a atuaalizacao da area de Transportes com os PDFs atualizados ref ao ano 2016 por favor.

    Responder
  • Marcus

    O Bar chamado “Nó de Corda”, situado no Rosa Shopping, na Av. Marechal Henrique Lott 120, Barra da Tijuca, RJ, recentemente montou um palco fixo, onde são apresentados conjuntos de músicos, com instrumentos musicais e ao vivo. A maioria dos conjuntos, para piorar a situação, utiliza potentes amplificadores.
    A música não nos permite ter tranquilidade em nossa casa e é quase impossível dormir. Os shows são apresentados em dias de semana e aos sábados entre 20:00 h e 02:00 h da madrugada.
    A situação é simplesmente absurda.

    Responder
  • Paula Rodrigues

    Olá,

    Na última semana, não sei por qual razão, aumentou a frequencia de helicoptetos circulando próximo ao condominio. Geralmente o mesmo. E ele não está apenas passando. Fica por um período prolongado parado no ar próximo principalmente na região entre o Palm Spring e Liberty. Outro dia acordei com o barulho do helicoptero era por volta de 6:30 da manhã. Hoje ocorreu novamente por volta de 10 da manhã. Alguém sabe o motivo? Fico preocupada com a proximidade que ele passa dos prédios.

    Responder
  • Thamy K

    Olá,
    há uma semana, mais ou menos, um carro com anúncio de som da Wizard vem anunciando sua publicidade no quarteirão do Parque das Rosas incessantemente. O som é altíssimo e a propagando é veiculada o dia inteiro sem intervalo, é enlouquecedor. Com quem eu poderia reclamar para que esse carro parasse de nos atormentar o dia inteiro?
    Obrigada

    Responder
  • Silvia Machado

    O que ocasionou ontem, 09/04, o apagão na maior parte do Parque das Rosas?
    Obrigada.

    Responder
  • ANA PAULA BRAZ

    Boa Noite,
    Hoje sábado, dia 04 de abril de 2015, véspera da Páscoa e passei com minha família a humilhação do ônibus circular que passava pelo Barrashopping,não parar no ponto , mesmo vendo que eu, meu esposo,minha mãe de 74 anos e minha filha de 08 anos , corríamos atrás do ônibus ÀS 22.10 MINUTOS DE SÁBADO, 04 DE ABRIL de 2015.
    FICAMOS PARADOS NO PONTO ONDE SALTAMOS,NA AV. DAS AMÉRICAS POR VOLTA DAS 18.00 HS E PERGUNTEI A ELE , SE ELE VOLTARIA DEPOIS DAS 22.00HS, ELE DISSE QUE PASSARIA POR VOLTA DAS 22.10 min, naquele mesmo local.Lá estávamos,ele ía cortar por fora, aí nos viu e foi encostando…daí não parou..parou mais na frente do ponto do Barrashopping , e nós corremos para alcançá-lo ele nos vendo pelo retrovisor e arrancou…dá para acreditar???
    Gostaria de uma resposta por parte de vcs, e que o motorista seja comunicado do ocorrido,era o último ônibus,voltamos andando às 22.30 da noite, uma idosa , uma criança e meu esposo.
    Aguardo a resposta e que ele , o senhor motorista do circular de sábado, seja notificado do ocorrido.Sou advogada, e sei dos nossos direitos.
    Att.

    Responder
  • RAQUEL CUNHA

    Venho solicitar que a comissão de transporte pegue um dia o ônibus de 10:30 com destino centro, pois insistem em manter o trajeto pela pista lateral, fazendo com que o ônibus leve de 40 a 50 minutos, todos os dias, para chegar até a Unimed, devido as obras nas Américas. Assim, poderão verificar o caos que estamos passando.
    OS ÔNIBUS COM DESTINO AO CENTRO PRECISAM SEGUIR PELA PISTA CENTRAL ENQUANTO DURAREM AS OBRAS!!!!! QUEM QUISER PASSEAR NA BARRA, QUE PEGUE O CIRCULAR E PARE DE PREJUDICAR QUEM ESTA INDO TRABALHAR!!!!
    Na maioria das vezes, não desce ninguém no referido ponto, atrasando a grande maioria das pessoas que vão trabalhar no Centro do Rio. É um absurdo que a grande maioria dos usuários seja prejudicada, por causa de meia dúzia de pessoas, que tem o ônibus circular para usar e mesmo assim persistem em atrapalhar quem esta indo trabalhar no Centro.
    Já liguei mil vezes durante a viagem para a viação das Graças, e de nada adianta. Mas é claro que não vai adiantar, porque quem “organiza” essa rota não usa o transporte. Realmente é a cara do Brasil, quem administra não usa o Hospital, nem as escolas, muito menos o transporte público.
    Essa comissão de transporte presta um desserviço, não se preocupa com o bem estar dos usuários, e na verdade não sei para que serve, pois além de nunca responder as reclamações e solicitações, não toma medidas visando atender o pleito dos usuários. importante lembrar que se trata de relação de consumo e que pagamos muito caro pelo péssimo serviço que vem sendo prestado.
    Vou encaminhar minha reclamação para os órgãos de proteção de defesa do consumidor, bem como para agencia reguladora que a referida empresa esta submetida.

    Responder
    • amarosas

      Prezada Senhora Raquel,

      1- Primeiramente queremos informar que o canal mais eficiente para fazer chegar as reclamações e sugestões à Comissão de Transportes é através do endereço comissaodetransportesrosas@gmail.com.

      2- Contrariamente ao que a Sra imagina, somos usuários do sistema de transportes, tanto direta quanto indiretamente, pois além de nós próprios, nossos familiares diariamente também usam os ônibus. Da mesma forma, não acreditamos que nosso trabalho seja pífio, a ponto de estarmos prestando um desserviço, como a Sra afirma, quando expressa juízo de valor depreciativo que, todavia, contraria os inúmeros elogios que temos recebido ao longo dos cinco últimos meses desta equipe de Coordenação, seja pela agilidade nas respostas às mensagens recebidas, seja pela seriedade na condução das buscas de solução aos inúmeros problemas cotidianos enfrentados por eles ( alguns insolúveis, como o trânsito caótico) ou pela gentileza e boa educação com que os tratamos. São inúmeras, as respostas positivas à nossa postura, mormente quando se tem em conta que lidamos com mais 8000 (oito mil) usuários cadastrados. Não temos a veleidade de supor que poderemos agradar a todos. Certamente que não, pois sempre surgirão descontentes, pelas mais diversas razões, simplesmente pelo fato de serem pessoas, sujeitas a humores e stress do trabalho, dos filhos, enfim..

      3- É preciso destacar que a contribuição pecuniária individual para o sistema de ônibus não é proporcional à utilização de cada usuário, quer relativamente ao percurso e horário, quer pelas razões que o levam a utilizar os ônibus, não sendo cabível, pois, a discriminação de ninguém ao uso dos ônibus, seja quanto ao que vai fazer no seu destino, se vai passear ou vai trabalhar e onde vai desembarcar.

      4- Posto isso, somente nos cabe informar que o tráfego pelas pistas laterais se deve ao fato de que
      pelas pistas centrais o desembarque não é permitido. Assim, como o trânsito em certas horas é mais intenso, a melhor política para aqueles quem têm hora certa para chegar ao destino, principalmente no Centro, é buscar tomar os carros dos horários anteriores, mais cedo, até porquê conquanto morar na Barra da Tijuca é opção individual, o local de trabalho é necessidade inegociável na maioria das vezes.

      5- Sempre estaremos ao dispor para prestar os esclarecimentos necessários a dirimir as dúvidas.

      Cordialmente,

      Sonia Lopes – Síndica Gestora
      Adrião de Castro – Coordenador

      Responder
  • Joana

    O ônibus de 12:10 saindo do centro está frequentemente atrasado, por favor troquem o horário do mesmo ou cumpram o horário. Vários moradores ficaram esperando hoje (mais uma vez), inclusive idosos, por este ônibus e ele só foi sair do ponto depois que o de 12:30 já tinha passado. Atrasar às vezes é normal, mas já está virando rotina. Isto é uma falta de respeito com o investimento que fazemos para este ônibus do condomínio funcionar.

    Responder
    • amarosas

      Prezada Sra Joana,
      Por favor, informe outros elementos a fim de que possamos reclamar com a gerência de Operação da Graças:
      1- o carro em referência é o que sai do Centro;
      2- A sra estava no ponto final regulador da Av Graça Aranha? Caso positivo, o carro estava parado no ponto, sem sair?
      3- recebemos sua mensagem hoje, dia 10, encaminhada pela AMAROSAS. A fim de agiizar as informações e respostas, em futuro envie sua mensagem diretamente a nós, da comissão de transportes.
      Cordialmente,
      Obrigado pelas informações adicionais.
      Sonia Lopes – Síndica Gestora
      Adrião de Castro – Coordenador

      Responder
  • Alexandra Gregoey

    Prezados,
    A situacao quanto ap som da tv no onibus do condomunio esta insustavel, gerando discussoea desnecessarias de uns que querem a tb ligada e outros q nao querem. Se o motorista tivesse uma orientacao do condominio qto a isso, acabaria o problema.
    Hoje um motorista me disse que tem orientacao do condominio qto a temperatura do ar condicionado q deve estar a 22 graus, porem nao ha qq aviso no onibus dizendo isso. Pego sempre onibus com temperatura inferior, ou seja, a orientacao nao esta sendo seguida e n fiscalizada.
    Reitero minha frustracao qto a gestap do transporte pelo qual pagamoa caro e nap recebemos o devido servico com qualidade.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Hj o onibus das 7:45 ja estava na Av. Das Americas no mesmo hr em q ontem (com outro motorista) estava no 1o ponto (rosa maior). Esse motorista de hj tem um contador ( ja q o sistema do onibus nao conta mais o numero de pessoas e só atrasa o processo) e ainda assim ele mesmo verifica se o onibus ja lotou. Obvuamente o contador ele mesmo comprou e a verificacao ele faz por iniciativa propria. Por isso a agilidade.
    Pergunto; pq o condominio nao torna isso um padrao?
    Reitero que pagamos caro pelo servico do onibus e temos q exigir um padrao de qualidade.
    Prla fallta de tesposta as minhas reclamacoes abaixo, tenho q dar razao as tantas prssoas com as quais converso q dizem ter desistido de reclamar, pois nada adianta.
    Isso é inadmissivel!

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Hoje o onibus das 7:45 chegou no rosa maior (1o ponto) as 7;55!!! O motorista disse q o atraso foi devido ao tempo de embarque dos passageiros. Prgo esse onibus todo dia e hj nao tinha mais gente no onibus do q nos outros dias. Ou seja, obviamente ele chegou no ponto atrasado.
    Precisamos de uma fiscalizacao! Esses motoristas fazem o q querem e pelo bisto mao ha q orientacao do condominio ou controle.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Prezados,
    É impressionante a quantidade de pessoas que relatam reclamar sobre o serviço de inibus e dizem “nao adiantar nada”. De fato, me parece que tenho q concordar com eles.
    1o: esse canal nao é divulgado. Alem disso, o botao de reclamacoes na parte de transporte foi retirado.
    2o: a impressao q da é q a Graças é q manda
    Nos pagamos muito caro e devemos exigir serviços de qualidade.
    Hoje. A bagunça realmente passou dos limites quanto ap som da tv do onibus. Para variar, uma ynica pessoa q estava assistindo a tv pediu para o motorista aumentar o som pois ela nao estava ouvindo direito. Quando nunguem mais no onibus queria ouvir a tv. Perguntei se ela tinha fone e ela disse q nao pois machucava seu ouvido.
    Mostrei q no vidro do onibus esta colado um adesivo q diz q é proibido usar aparelho sonoro.
    Pergunto: pq ainda nao foi orientado aos motoristaa e pasaageiros q o som nao pode ficar ligado e q quem desejar ouvir o som, assim como é em avioes, deve usar um fone?
    Ja é estressante o auficiente ter q passar 3 hiras do seu dia num onubus e ainda ter q se estressar com essaa coisas ninguem merece.
    Agradeco se a comissao puder se posicionar qto a isso

    Obrigada.

    Responder
  • RICARDO CAPANEMA

    Boa tarde, gostaria de manifestar minha indignação com a Viação Graças por desrespeitar com frequência os horários dos ônibus. Desde que implantaram o novo horário das 19:00 h , com saída da Graça Aranha, ainda não consegui pegar nenhum dia no horário previsto,
    Ontem, dia 16/12/14, fiquei mais de 1 hora aguardando o ônibus das 19 h que só passou as 20 h, consequentemente o de 19:20 h também atrasou.

    Responder
    • amarosas

      Prezado Ricardo,

      Enviamos sua reclamação para a Viação Graças para constatar via GPS os horários do carro que faz este trajeto saindo da Barra às 16hs40min com tempo de 2h 20min para chegar ao Centro que considerávamos razoável tendo em vista o retorno à Barra às 19h.

      Constatamos que o carro já saiu daqui atrasado, chegou proveniente da cidade às 16h48min, deu a volta para o desembarque e iniciou o embarque às 17h 03min, atraso, portanto de 23minutos, saindo somente às 17h 11min do Parque das Rosas.

      Os congestionamentos de saída da Barra (obras BRT) fizeram com que ele chegasse ao Tunel do Joá 30 minutos depois. Entrou no Tunel Dois Irmãos (São Conrado) às 18h 30min, ou seja uma hora e dezenove minutos depois de sair do Parque das Rosas.

      Especialmente nesse dia o trânsito fez com que o mesmo só chegasse à na Graça Aranha às 19h 50min, ou seja 2h 39 minutos depois de sair do Parque das Rosas o que não é normal em época de férias.

      Ontem o mesmo carro saiu no horário daqui chegou à cidade às 18h 35minutos (menos de 2 horas) e embarcou normalmente as pessoas às 19horas.

      Temos buscado solução para esse problema, ampliando o tempo estimado de percurso nas horas do rush, porém algumas vezes o imponderável se faz presente. Toda a cidade transformou-se em um gigantesco canteiro de obras ( Centro, Porto maravilha; Leblon e Ipanema, metrô; Av das Américas, BRT+ Metrô) aliados ao grande número de veículos nas ruas. Assim, os atrasos sucessivos provocam o indesejável efeito cascata, que nos irritam tremendamente..

      Temos notícias de que, durante as férias, mais ruas do Centro serão interditadas, porém não podemos fazer nada enquanto não soubermos exatamente o que vai acontecer. Assim vamos precisar de dose extra de paciência com os atrasos que não forem causados pelos motoristas.

      Enviaremos para o seu e-mail pessoal as folhas do GPS com os horários indicados.

      Sonia Lopes – Síndica Gestora
      Adrião de Castro – Coordenador

      Responder
  • Alexandra Gregoey

    Prezada comissao de transportes,
    Tenho notado que o onibus as vezes demora ate 15 minutos para sair do condominio. Nap bastasse o novo sistema digital que ja eh excessuvamente demorado, tenho pego o onibus no 1o ponto e reparado que o mesmo só encosta no ponto 1 ou 2 minutos antes do horario. O que atrasa muito a saida, visto que normalmente ha mais de 25 pessoas no 1o ponto. Hoje por exemplo o onibus das 7:45 saiu do ponto as 7:50, o que eh inaceitavel, uma vez que o onibus estava parado no estacionamento e poderia estar parado no ponto com antecedencia, o que permitiria que saissemos no horario. O tempo de embarque pode ultrapassar 5 minutos, logo gistaria de sugerir que os onibus encostassem no 1o ponto prlo menos 5 minutos antes do horario para agilizar o embarque. Todo estamoa indo trabalhar, a maioria no centro e as vezes alguns minutos fazem toda a diferenca. Agradeco desde ja, na certeza de que as providencias serao tomadas.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Prezada comissao de transportes,
    Gostaria de entender se existe uma diretriz orientando os motoristas do onibus quanto ao som da tv. Conforme ja reclamado abaixo, existe um adesivo colado em todos os onibus dizendo que eh proibido o uso de aparelho sonoro, no entando, varios motoristas deixam o som da tv ligada, mesmo havendo essa proibicao e sendo possivel usar o fone de ouvido. Cada vez que eu pergunto a um motorista qual eh a orientacao que eles tecebem sobre esse assunto elea se enrolam e cada hora dizem uma coisa. Iu seja, me parece claro que nao ha orientacao, o que os deixa tb numa situacao desconfortavel, uma vez que cada hora um morador pede uma coisa pata eles. Gostaria de sugerir que a regra tb fique adesivada no vidro para nap haver discussao.
    Obrigada.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Prezados, gostaria de sugerir que os motoristas dos onibus do cond usem um contador para saberem qtas pessoas estao no onibus, visto q i tempo de embarque ja aumentou com o leitor digital e as vezes demora mais ainda, pois pessoas entram no onibus achando q tem lugar e depois tem q descer, pois veem q na verdade o onibus ja esta lotado. Outro dia vi um motirista usando um e achei excelente a ideia. Esse dispositivo nao deve ser caro e resolve facilmente o problema.
    Obrigada.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Problema no onibus do dia: onibus das 7;45 cheio de mosquito (acontece toda hora), luz de leitura como sempre, deligada e o motorista com o radio ligado alto, apesar de no proprio onibus estar escrito q é proibido o uso de aparelho sonoro.
    Nao é a 1a vez q um motorista faz isso.
    Está complicado andar no onibus do condominio!

    Responder
    • amarosas

      Prezada Alexandra,

      Suas reclamações foram encaminhadas à Comissão de Transporte para os devidos esclarecimentos e providências.

      Abs,

      Stella Couto|Gerente
      AMARosas

      Responder
      • amarosas

        Prezada Sra Alexandra,

        Temos passado as reclamações relativas aos mosquitos à gerencia da Graças, que tem buscado a solução definitiva, seja através de fumacê diário na garagem e aplicações durante as viagens.
        Com relação às luzes de leitura, e som da TV e rádio, os motoristas serão mais uma vez orientados.

        Não posso afirmar quanto aos coordenadores anteriores a nós, porém afirmo que sou usuário, diário e em horários variados, e reconheço a demora e falha do identificador e validador no embarque, bem como a falta de informação dos lugares disponíveis. Entretanto, a escolha deste sistema foi uma decisão tomada em reunião de todos os síndicos (nada se decide isoladamente pelo coordenador e/ou pelo gestor do transporte), assim, precisamos das observações dos usuários quanto às deficiências para podermos melhorar esse conforto que temos.
        Agradecemos a colaboração e contamos com suas observações.
        Cordialmente,

        Sonia Lopes – Síndica Gestora
        Adrião de Castro – Coordenador

        Responder
        • Alexandra Gregoey

          Muito obrigada pela pronta resposta e cordial atendimento. Hj o onibus das 8:05 tinha alguns mosquitos, mas menos. Acrediti q o problema seja q i motorista fica esperando a hr de sair parado no condominio com as portas abertas. Se fir esse o motivo, pode ser facilmente solucionado fechando a porta de dentro do onibus. O som estava desligado.
          Agradeco mais uma vez e sugiro divulgar esse canal no proprio onibus, pois a maioria dos moradores nao conhece. Esse é um excelente canal para troca de informacoes e fiscalizacao dos nossos servicos.
          Abs,
          Alexandra

          Responder
  • Alexandra Gregoey

    Até agora nao entendi pq o sistema de controle de embarque foi criado para incluir a digital e perdeu-se o controle do número de pessoa embarcadas. Como o onibus vive lotado, o motorista precisa saber quantos lugarea disponiveis ainda existem. Se nao há um sistema para isso, nao custa nad ele contar. O tempo de embarque ja aumentou absurdamente com esse siatema de biometria, fazendo com q os onibus as vezes demorem mais de 15 minutos para sair do condominio e ainda por cima as vezes o motorista deixa alguem entrar e sai com onibus sem que haja lugar, fazendo com q o passageiro as vezes tenha q saltar quase na av das americas ou diz q nap tem lugar qdo tem. Gostaria de solicitar q a comissao de transporte use o onibus nos horarios de pico para avaliar essas situacoes. Infelizmente a impressao q da é de q a comissao nao usa o onibus e isso é bastante frustrante.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Realmente ler no onibus do condominio é uma tarefa dificil. Nao bastasse o som da tv q nao é dealigado, apesar de haver um adeaivo na frente so onibus dizendo ser proibido usar aparelho sonoro e haver a possibilidade de quem quiser ouvir, usar o fone (assim como em aviões), ainda por cima o motorista nunca liga a luz de leitura. Sempre temos que nos levantar para solicitar que liguem. Isso deveria ser automáticio. Pagamos caro por um serviço que não deve ser prestado “mais ou menos” , e sim da melhor forma possível.

    Responder
  • Alexandra Gregoey

    Sabado dia 18 de outubro por volta das 21h presenciei uma tentativa de assalto por uma moto com duas pessoas. 2 adolescentes foram abordadas por um dos motoqueiris armados no sinal ao lado do Marapendi, direcao barrashoping.
    A inseguranca no condominio esta bastante grave!

    Responder
    • amarosas

      Bom dia, Alexandra!

      O caso que você nos relatou é muito grave sim.

      Apesar dos índices oficiais nos apontarem uma queda na violência em nossa região, a Barra da Tijuca, em decorrência de seu constante crescimento com a chegada de novos empreendimentos e considerável aumento da população flutuante, enfrenta o grande desafio de manter esses números em níveis baixos. Entretanto, o presidente da AMARosas, Cleo Pagliosa, também presidente do 31º Conselho Comunitário de Segurança, vem atuando junto ao comando do 31º BPM para manter e até aumentar a frequência das rondas no Parque das Rosas, o que vem ocorrendo de forma positiva. Mas, sabemos que isso não é o suficiente e temos trabalhado em outras frentes, inclusive para inibir a permanência de flanelinhas e moradores de rua nas áreas públicas.

      É importante também que o morador registre a ocorrência na 16º DP, pois esses números servem de base estratégica para o oferecimento de maior segurança por parte do poder público.

      Por fim, estamos encaminhando seu relato para o comando da PM e agradecemos por sua iniciativa, Alexandra, colaborando conosco por uma melhor qualidade de vida no Parque das Rosas. A participação do morador é essencial para que a AMARosas mantenha-se fortalecida e eleve suas conquistas para a manutenção da tranquilidade e segurança que tanto almejamos.

      Abs,

      AMARosas

      Responder
  • Fernando

    Prezados,
    Não encontrei no site a lista com os pontos de embarque e desembarque dos ônibus.
    Para morador antigo não faz diferença, mas para quem se mudou a pouco tempo ou utiliza os ônibus com pouca frequência é extremamente necessário.
    Sei que poderia solicitar no meu prédio uma cópia física, mas acho que não custava nada colocar no site.

    Obrigado,

    Responder
  • Carmen Souto

    Hoje, dia 24/10 o onibus Barrinha não parou no ponto do downtown mesmo eu fazendo sinal para que parasse. Tive que pegar um taxi e quando cheguei ao Rosa Viva onde moro o onibus estava chegando ao,ponto final. Fui até lá conversar com o motorista pra saber o porquê dele não ter parado. Ele disse que não viu e que estavamos acostumados com o motorista Jorge ( que está de férias) porque ele já sabia que pegavamos o onibus lá e que já ia parando e nos chamando. Se esse motorista, cujo nome é Mario Pinheiro sabia disso então porque tb não prestou atenção no ponto do downtown. Ele me respondeu de maneira mal educada e em nenhum momento se desculpou. Afinal pago todo mes o serviço de onibus, tenho 65 anos. Ainda sou uma pessoa que trabalha fora, e quero ser respeitada e saber que o serviço pelo qual estou pagando seja prestado a contento. No aguardo de uma resposta e de uma providencia, atenciosamente,
    Carmen Souto

    Responder
  • ricardo

    Hoje, 24/10/14.
    Fui ao escritório da GRAÇAS, para verificar a situação de minha carteira que desde que a obtive não funciona direito, ao ser testada lá, a pessoa que me atendeu disse que teria que pagar R$25,00, por uma 2ª via, pois a minha estava com problema e nesses casos a Comissão de Transportes baixou uma “norma” que tem que pagar!!!, questionei sobre como eles poderiam afirmar se o problema causado era meu , se desde que tenho essa carteira ela apresenta problemas, a auxiliar administrativa Luiza Monção, ao tentar justificar a cobrança, perguntou quando eu peguei a carteira, eu disse que não sabia, ela fez cara de deboche, e eu perguntei se ela tinha como saber a data no sistema da empresa, ela disse que não, apresentando-se desde o início da conversa bastante arrogante, grosseira e agressiva, chegando ao ponto de me pedir para sair do escritório, inclusive na presença de outros funcionários como o sr. João Paulo, que foi bastante educado e sugeriu que eu expusesse a situação à Comissão de Transportes. Não obstante ao constrangimento e humilhação que passei, não obtive qualquer documentação referente a cobrança de uma 2ªvia no meu caso, fico no aguardo de um retorno urgente pelos responsáveis.!!!
    Att

    Responder
    • AMARosas

      Prezado Ricardo, sua reclamação foi encaminhada à Comissão de Transportes para análise e providências. Agradecemos.

      Responder
      • Ricardo

        Srs, boa tarde.
        Gostaria de agradecer à comissão de transportes, principalmente ao Sr. Adrião de Castro e a Sra.Sonia Lopes pelo empenho, atenção e a boa vontade que culminaram por solucionar a regularização de minha carteira do ônibus.

        Deixo aqui meu reconhecimento e satisfação pelo grande serviço prestado pela AMAROSAS na sua coluna “boca no trombone”

        Atenciosamente,

        Ricardo Souza

        Responder
    • amarosas

      Sr. Ricardo, recebemos da Comissão de Transporte a informação de que o problema foi resolvido.
      Abç
      AMARosas

      Responder
  • Wanilda Netto

    Gostaria de registrar aqui um alerta com relação às Kombis que passam quase que diariamente nas ruas oferecendo a compra de materiais velhos.
    Na semana passada, ao ouvir o ocupante de uma delas anunciar a compra de material velho, liguei para a portaria do prédio em que resido, solicitando que o chamasse, pois havia trocado meu aquecedor e desejava me desvencilhar do antigo.
    Subiram então ao meu apartamento um homem e um rapaz e, ao apontar para o aquecedor, rapidamente o rapaz o pegou. O homem me informou que desceria para pesar e que o rapaz voltaria com a notinha com o peso e o dinheiro, o que não ocorreu.
    Não estou aqui para reclamar do dinheiro que não recebi (R$ 1,00; R$ 2,00; R$ 10,00? Não sei…), mas para denunciar o roubo e alertar os moradores do Parque das Rosas, pois ao comentar o fato com o segurança do prédio, este comentou que isso já havia acontecido com outro morador.
    Obs.: A Kombi em questão era fechada e toda amarela.

    Responder
  • Marilene Garrido

    12 de agosto de 2014
    Como todos estão vendo ,o trânsito no Parque das Rosas está cada dia pior. Poderia melhorar um pouco se os carros não estacionassem irregularmente. Na Rua Jorn. Ricardo Marinho eles impedem a passagem dos carros que querem seguir adiante no retorno . Isso
    acontece DIARIAMENTE e as autoridades nada fazem. Vocês podem nos ajudar ??????
    SOCORRO!!!!!!!

    Responder
  • Figueiredo

    Morador desde 1993, venho constatando, que ultimamente os helicópteros que aterrizam no Condomínio Golden Green, nos últimos 3 meses, vem passando numa distância reduzida juntos aos prédios da Av. Jornalista Ricardo Marinho. Entendo que, salvo melhor juízo, esse procedimento é considerado irregular pela ANAC.

    Responder
  • jose farag de oliveira

    Marapendi
    Esta noite de 29 para 30 de março ,aconteceu um evento neste clube
    Como sempre o som alto , insuportável
    Solicito ao amarosas uma ação, na justiça contra o marapendi.
    Esta ação devera ter um abaixo assinado, dos moradores, e solicitando a justiça a obrigatoriedade de colocação de isolamento acústico, sobre pena de multa nos eventos
    Não sou advogado e o mais simples e recém formado saberá com certeza
    Porem esta iniciativa devera ser da associação dos moradores, não poderá ser individual
    Já escrevi alguns e-mails ao clube e eles ignoram, me responderão a uns 2 anos atrás , com muita educação que iriam resolver , mais são políticos , prometem mais não cumprem
    A impunidade faz com que tratem seus vizinhos com desprezo e arrogância.
    Não entendo a passividade da associação pois são inúmeras reclamações dos moradores
    A colocação de isolamento e obrigatória e prevista em lei
    Será que se um dirigente desta desagradável instituição ,fosse vizinho e tivessem que ter em sua sala uma bateria de escola de samba as 3 horas da manha , esta falta de respeito aconteceria?
    Aqui tem muitos idosos, crianças que não conseguem dormir.
    O clube cobra tão caro seus eventos, para onde vai a verba do clube , se não podem pagar um isolamento acústico?
    Jose farag de oliveira
    999896396

    Responder
    • AMARosas

      Já encaminhamos esta reclamação diversas vezes….melhora por umn período e depois volta a incomodar.
      Na terça feira dia 15/04 estaremos recebendo o novo Subprefeito Alex Costa, e este assunto estará na pauta.

      Responder
  • Carmen Souto

    Gostaria de fazer uma reclamação com relação ao motorista que fez hoje (dia 26/03) os trajetos Largo da Barra as 10:10 e o trajeto Barrinha de 13h. Ele é uma pessoa extremamente rude, não é gentil com os idosos. As 10:10 meu marido pegou o ônibus e pediu pra saltar em frente ao Zona Sul que é um dos pontos e ele fingiu ignorar e deixou meu marido em frente a padaria ArtPao. No ônibus das 13hs meu marido solicitou que parasse no downtown, ele fingiu que não ouviu, além de que eu estava no ponto fazendo sinal, ele passou direto e só foi parar quase no Citta América porque meu marido ficou falando com ele pra parar. Ele simplesmente ignora as pessoas. Lembrando que somos nós moradores quem pagamos o salário deles e a impressão que temos é de que ele nos está fazendo favores. Muito aborrecida…
    ,

    Responder
  • Kemmel Nicolau Abib

    21:30… sim, 21:30… foi este o horário que o ônibus das 19:40 chegou no ponto inicial da Graça Aranha na última sexta-feira. Na quinta (um dia antes), o atraso foi menor, “apenas” uma hora. Na semana passada, na sexta, outro atraso de uma hora e meia.
    São mulheres, idosos, trabalhadores, enfim, que trabalham e são obrigados a se sujeitar a esta enorme espera. Se fosse 15 min, 20 min, até entenderíamos. Mas todo este tempo.
    O pior que vemos neste espaço que não há muita esperança que algo mude, pois as respostas são as mesmas (…”encaminhado a comissão de transportes”…).
    Parece que chega quinta e sexta, os problemas sempre são os mesmos. É tão difícil dispor de ônibus coringas, que possam ficar pelo aterro aguardando (igual o ABM faz) e resolver este problema?
    Lamentável.

    Responder
  • Luiz Carlos

    Venho por meio deste solicitar alguma providência no sentido de viabilizar mais um ônibus ou, então, mais uma alteração de horário para o transporte do 1º horário das 05:50 (centro zona sul). Já é notório que após os últimos ajustes de borarios, esse ônibus passou a receber passageiros de outros horários vindo a ficar sempre lotado. Moro no rosa da praia e, para tentar garantir uma vaga, durante esse mês de março, tenho que me deslocar para o primeiro ponto que está sendo a praticamente 10 minutos de caminhada rápida e, mesmo assim, chegando lá por volta das 05:45, nas ultimas 2 semanas, o ônibus já havia lotado por 3 vezes. Todos os moradores que pegam esse horário, durante a fila, partilham dessa mesma aflição. Porque não trazemos algum outro nesse mesmo itinerário as 0555 ou, então puxamos algum de outro itinerário para fazer este nesse horário? Todos nós moradores que usamos este centro zona sul das 0550 estamos muito insatisfeitos. 1º, naturalmente por já ter a necessidade de , por diversos motivos particulares termos q pegar essa condição tão cedo pois , senão, não conseguimos chegar a tempo em nossos destinos e, em 2º lugar, por vezes, ter que acordar mais cedo ainda pra ter que dar essa “pernada longa” até o primeiro ponto e, ainda assim, chegar lá e não ter vaga

    Responder
  • Ricardo Teixeira

    Favor repassar para a Comissão de Transporte:
    Hoje, dia 12/03/2014, 16h, na passarela perto da Igreja São Francisco , sentido Parque das Rosas, o ônibus passou pela 3a. pista, não tendo condicão de parar ao meu aceno e quase causando um engavetamento.
    Tenho 70 anos e isto acontece frequentemente neste local. Os motoristas devem saber que aquele ponto existe e que é muito usado.

    Responder
  • Isabella

    Minha reclamação é sobre os horários dos ônibus pelo Jardim Botânico. Temos um ás 11 horas e o outro só às 13 horas (via metrô de botafogo). Por que uma diferença tão grande, enquanto nesse intervalo existem 3 ônibus que vão pela zona sul (incluindo o da Niemeyer). Acho que a distribuição dos horários tem que ser melhor
    obrigada
    Isabella – Los Angeles

    Responder
  • Jan

    Há alguns meses tem havido música muito alta nos fins de semana, geralmente aos sábados. Começa por volta da meia-noite e vai até de manhã, e o som aumenta à medida que a noite avança. Coloco sempre protetores auriculares, mas não resolve, fica muito difícil dormir com o barulho. Neste fim de semana eles extrapolaram, pois começaram com a música à meia-noite do DOMINGO (!!!!) e foi até clarear o dia, num total desrespeito com quem levanta cedo na segunda-feira.
    Já tentei identificar de onde vem o som, mas ainda não consegui. Parece que a música paira por todo o canal do Marapendi.
    Será que só eu me incomodo? Não há nada que se possa fazer?
    É um absurdo ficarmos na mão de pessoas que não respeitam nosso direito ao sono e ao silêncio!

    Responder
  • Antonio

    Prezados,

    Diariamente dezenas de carros estacionam nos canteiros da Av. Gen.Felicissimo Cardoso. Canteiros que já estão destruídos por essa prática irregular. Teria como solicitar fiscalização da Guarda Municipal?

    Grato.

    Responder
  • Margaret Rutowitsch

    Diariamente carros estacionam na área proibida entre av Mal Henrique Lott e o primeiro retorno da Rua Jornalista Ricardo Marinho, atrapalhando o fluxo do trânsito. Seria possível solicitar à Guarda Municipal maior vigilância?

    Responder
    • AMARosas

      Temos passado para a Guarda Municipal e para a CET RIO este problema que parece que não tem fim. Realmente atrapalha bastante provocando engarrafamento devido ao retorno que ao meu ver esta colocado em local errado. vamos continuar reclamando.

      Responder
  • Pedro Caldas

    Prezados,
    Minha questão é dirigida a Comissão de Trasportes.
    Com as mudanças ocorridas no centro da cidade se fizeram necessários ajustes nos itinerários dos ônibus. A questão é por que mudar os roteiros base, substituindo, por exemplo, linhas que se destinavam ao centro via J. Botânico, por linha via Alto da Boa Vista, criando, inclusive, superposição de linhas, como 2 ônibus pelo Alto, às 10:00 e 10:10 h.e aumentando em demasia o intervalo para J. Botânico.
    Não teria sido melhor manter a tabela de horários/itinerários como estava, alterando apenas o retorno no centro:
    - ônibus via Grajaú e via Alto: retorno na Candelária;
    - ônibus via Orla e via J. Botânico, retorno na Av. Njlo Peçanha.
    Não precisava modificar mais nada.
    Alguem pode explicar qual o sentido de tantas modificações?
    sds/Pedro.

    Responder
  • Mauro Freire

    Gostaria de dizer que as últimas alterações dos horários do ônibus foi muito infeliz. Mudar as rotas para o auto da boa vista e grajau jacarepagua é totalmente incoerente já que o grande fluxo de pessoas está o eixo centro-zona sul-barra. O certo a fazer, considerando que o problema está localizado no centro, seria restringir o acesso ao centro somente até o metrô da glória ou cinelândia. Dessa forma, as pessoas que seguissem para o centro, usariam o metro como alternativa. A mudança também foi feita no estilo “calada da noite”, avisando no sábado uma mudança que já valeria na segunda, sem distribuir de forma ostensiva a nova grade de horários, sem nem atualizar o site com a nova informação. Acho que essas mudanças que envolvem um grande número de pessoas, deveriam ter um processo mais claro e participativo, com um nível de comunicação mais eficiente. Diversas pessoas de idade estavam totalmente perdidas na data de ontem esperando ônibus sem saber exatamente o que estava valendo.

    Responder
  • Bruna Coelho

    Gostaria de demonstrar por aqui minha indignação com a mudança das rotas do onibus que ocorreram a partir desse segunda 10/02/2014.Nao sei como falo com a Comissão dos Transportes, mas espero que essa reclamação chegue até eles.
    Ontem fiquei de 18:30 até as 20:30 no ponto do Jardim de Alah em Ipanema e nesse periodo passaram 3 onibus LOTADOS , até que desisti de ser palhaça e resolvi pegar um taxi. Como mudam as rotas de QUASE TODOS os onibus, tirando da Zona Sul e colocando para o Alto da Boa Vista em pleno horario do rush???? E as pessoas que trabalham na Zona Sul, faz como???? Só as pessoas que trabalham no Centro que utilizam o onibus do condominio?????

    Não tem um telefone que possamos ligar para pedir informação, pois 3294-9550 não existe mais, e o 0800 seria um sonho se alguem atendesse.
    Mudaram as rotas sem consultar os moradores, sem fazer uma pesquisa de demanda, sim…. porque hoje fiquei sabendo que todos os onibus que vieram pelo Alto, estavam vazios, enquanto os da Zona Sul lotavam no primeiro ponto. Isso não é consequencia de uma pesquisa e uma decisão fundada em conhecimento.
    Se quisessem colocar mais rotas pelo Alto, ou Grajaú, que colocassem mais onibus e nao tirar o que já estava precário e com deficiência, pois o serviço de transporte do condominio já anda ruim faz tempo, agora só ficou insustentavel e admissivel.

    Espero sinceramente que essa reclamação chegue na pessoa responsável, e que mudanças sejam feitas rapidas, pois nao vou ficar gastando R$ 40,00 por dia de taxi se ja gastamos uma fortuna para ter esse serviço no condominio.
    Atitudes mais drasticas serão tomadas se nenhuma providência for tomada.

    Obrigada

    Responder
  • Fernando

    A AMARrosas deve promover uma maior participação nas decisões referentes ao transporte do Condomínio PARQUE DAS ROSAS, através de reuniões, pesquisas, etc. O que me parece é que é um grupo distinto do condomínio é que resolve, sem consulta aos moradores, o percurso dos ônibus. Há dois anos mandei um email com uma sugestão e até hoje não obtive resposta. Hoje recebi uma carta da Comissão de transporte informando as alterações nos pontos de embarque e desembarque dos ônibus do condomínio, que nos deixam com mais dúvidas que esclarecimentos. Exemplos: qual o primeiro ponto no centro? Quem pega o ônibus na Rio Branco, 46, onde deverá pegar a partir de 10/02? Só no Castelo? Vamos ter que andar toda a Rio Branco para pegar o ônibus? Hoje já é dia 07/02 e nada foi esclarecido.

    Responder
  • Valter Pinto

    Torna-se necessário que as vagas destinadas a DEFICIENTES E IDOSOS sejam efetivamente respeitadas e para tal somente com a aplicação de MULTAS é que esse objetivo pode ser alcançado Anteriormente ao asfaltamento novo havia demarcações no piso alertando ainda mais aos motoristas das vagas reservadas e com o novo asfaltamento essas marcas foram apagadas e não voltaram a ser demarcadas, essas é uma Ação Simples para a nossa subprefeitura da Barra.

    Responder
  • jose farag de oliveira

    prezados senhores
    ontem dia 14/1/2014 10 pessoas foram assaltadas em frente ao rosa da praia por dois motoqueiros

    Responder
  • ROGERIO DANGELO

    Gostaria de saber se a AMA-ROSAS participa da contratação da empresa ECO BALSAS. Em caso positivo, pediria o envio do contrato que se encontra firmado com essa companhia.
    Caso negativo, gostaria de ter explicações, se for possível, de como ocorre a contratação com a empresa de transporte aquaviário

    Responder
    • AMARosas

      A AMAROSAS NÃO TRATA DO TRANSPORTE, QUE É GERENCIADA PELA COMISSÃO DE TRANSPORTES. DE QUALQUER MANEIRA TEMOS A SATISFAÇÃO DE ENCAMINHAR AS REIVINDICAÇÕES A COMISSÃO DE TRANSPORTES.

      Responder
  • Raimar van den Bylaardt

    Vejam o absurdo da resposta da Comlurb para um protesto contra o abandono na limpeza do Parque das Rosas, como se aqui tivéssemos o melhor atendimento possível contra o alto valor de impostos que pagamos:

    http://oglobo.globo.com/eu-reporter/falta-de-conservacao-incomoda-moradores-do-parque-das-rosas-10973783

    Responder
  • Leonardo

    Bom dia a todos!
    Quer dizer, não há muito de bom, são mais de 4 horas da manhã e ainda não fui dormir, mais uma vez, por conta do som vindo de alguma casa de festas. Como já está se tornando constante, venho aqui desabafar e trazer informações para que juntos possamos tomar alguma medida, pois acredito que não sou o único incomodado com tal situação. Há umas duas semanas, resolvi procurar de onde vinha o som. Por volta de 3 horas da manhã, sai de carro e notei que o som vinha da rua atrás do Village Mall. Chegando lá, avistei holofotes piscando e o som bem mais alto, vindo de uma casa de festas do outro lado da lagoa, lá no Rio das Pedras. Fui até lá de carro e quando estava quase desistindo, deparei com o “Espaço Terraço”. Facilmente pude identificar, pois o volume do som era absurdamente altíssimo e o tipo de música era o mesmo que ouvi da minha casa. É um espaço localizado na Estrada Engenheiro Souza Filho, Rio das Pedras. Um varandão em cima de uma loja, onde cabem mais de 1.000 pessoas, concorrente do Castelo das Pedras. O local é todo aberto, só tem cobertura, e fica bem de frente para a lagoa. No caminho de volta para casa, vim pensando em como isto seria possível. Ao chegar em casa, abri o Google Earth e percebi que o som vem em linha reta, e fica retido nos prédios aqui do Rosas, que são bem altos. Percebi então, que se o Rosas era afetado, os moradores da Península também eram, e de forma mais intensa, pois fica mais próximo. Foi então que achei na internet o blog “Correio da Península”, onde moradores reclamam da mesma casa de festas. No link a seguir vocês podem ler mais sobre o assunto:

    http://www.correiodapeninsula.com.br/2013/06/quem-esta-tirando-o-nosso-sono_1121.html

    Essa situação já está se tornando insuportável, todo fim de semana é a mesma coisa. O pior é que o som intensifica a partir das 2 hora da manhã e só termina depois das 5, 6 horas. Está fazendo mal ao meu bem estar e da minha família.
    Acredito que muitos moradores aqui do Parque das Rosas sofram com este mesmo problema, sem mesmo saber de onde ele se origina.
    Precisamos nos unir para tentar acabar com este absurdo. Um total desrespeito com as pessoas e o meio ambiente.
    Será que o AMAROSAS poderia nos ajudar? Levar há algum meio de comunicação, imprensa? Secretaria de Meio Ambiente? Ou uma outra solução cabível?

    Obrigado!

    Responder
  • maria da conceicao valadao

    Venho por meio desta mostrar minha imensa insatisfação com o Parque das Rosas, vim morar aqui achando que ia encontrar paz e tranquilidade, e nao é isso que aconteceu, tenho visto assaltos, inclusive o pai de uma amiga minha sofreu um sequestro relampago enfrente no barra garden, enfrente ao barra square tem moradores de rua, pedindo dinheiro, e qdo vc nao da, te olham com raiva parecendo que vao te bater, os flanelinhas, sao pivetes, até quando vamos viver assim, no canal que era um lugar lindo, está cheio de moradores de rua tomando banho, nao podemos mais ficar depois das 21:00 na rua, pagamos um condominio alto, pra ficar trancado em casa, o pior que enfrente a associação , na praça tem moradores de rua, as pessoas nao podem nem se exercitar em paz, no canteiro enfrente ao varanda das rosas, debaixo da arvore, tem uma familia com crianças, o cheiro é insurpotavél. Estou passada com o descaso.

    Responder
  • Mariana

    Bom dia! Gostaria de saber se existe algum planejamento sobre a questão da segurança? um carro da PM para circular pelo Parque das Rosas já seria alguma coisa. Acredito que não seja a unica moradora que tem tido conhecimento sobre assaltos diários (e alguns relatos de perseguição a pedestres) no entorno da praça General Santander, onde ficam concentrados os delinquentes, que também atuam em sociedade com os flanelinhas do vaga certa (quem nunca viu o flanelinha negociando com eles?). Infelizmente constato que o Parque das Rosas é o lugar mais inseguro da Barra!

    Responder
  • Fabiana Resende

    SUGESTÃO:
    Gostaria de sugerir que a rota do ônibus Graças (via Grajaú-jacarepagua) do Parque das Rosas se estende-se até o centro da cidade, tendo em vista que esta rota em media tem 10 passageiros na ida, e que anda faltando vaga nas demais rotas para o centro, principalmente nos horários de rush (manhã e tarde). Hoje, foi mais um dia em que os passageiros que vão para o centro acordaram cedo, mas não conseguiram TODOS embarcar, por este motivo, enquanto o via Grajaú-jacarepaguá, tinha cerca de 10 passageiros as 6h da manha. Frequentemente os moradores para esta rota perguntando se vai até o centro, e deveria ir…

    Responder
    • AMARosas

      Estamoa repassando sua sugestão para a COMISSÃO DE TRANSPORTES,

      Responder
      • Jacqueline Montorfano

        Olá.
        Gostaria de aproveitar o espaço para trazer dois assuntos à tona:
        1) lembrar que a tv que fica ligada dentro dos ônibus deveria estar com o som sempre desligado para que aqueles que optassem por ouvi-la, concetassem seus fones. Muitas vezes o som fica ligado alto, obrigando a todos os passageiros ouvir o som, mesmo sem querer;
        2) campanha de conscientização para que os usuários não utilizem a poltrona ao lado da sua como apoio para bagagem. Muitos desses cidadãos colocam seus pacotes ao seu lado, e não se intimidam quando outros passageiros tentam sentar, demorando a retirar as mochilas ou coisas que o valham…obrigada

        Responder
  • jose farag e oliveira

    PREZADOS SENHORES
    ULTIMAMENTE TEM ACONTECIDO VARIAS MANIFESTAÇOES NA ROCINHA , COM FECHAMENTO DE PISTA, IMPEDINDO QUE OS MORADORES DA BARRA CHEGUEM EM CASA A NOITE
    POR QUE O TRANSPORTE DO PARQUE DAS ROSAS NAO TEM UM UM INTINERARIO PELA LINHA AMRELA,?
    ATENCIOSAMENTE
    JOSE FARAG

    Responder
  • jose farag e oliveira

    prezados senhores
    Um grupo de pessoas se instalou na praça em frente ao mercado zona sul e esta morando no local
    atenciosamente
    jose farag

    Responder
    • AMARosas

      Estamos atentos e já informamos as autoridades competentes. Por iniciativa da AMARosas, com parceria do Rosa dos Ventos, foi realizada a reunião mensal do 31º Conselho Comunitário de Segurança, onde este e outros assuntos foram tratados. Estiveram presentes o Comandante do 31º BPM, Delegado da 16ª, Inspetor da Guarda Municipal, e o Coronel Albucacys da Busca e Salvamento

      Responder
  • Fabiana Resende

    Gostaria de SUGERIR a criação de uma PISTA DE SKATE pequena na praça ¨enorme¨do Parque das Rosas para que nossas crianças, adolescentes e mesmo adultos possam se reunir, usufruir e se ocupar com mais esta possibilidade. Creio que seria um chamariz para as pessoas. Vejo a Praça subutilizadas pelas pessoas e hiperutilizada por animais, vândalos e pivetes.
    Dependendo do tamanho poderá ser utilizada até para futuras competições e valorizar ainda mais o condomínio!

    Responder
  • Carla Góes Lopes Anjo

    Gostaria de pedir a associação que veja a possibilidade de acabar com os flanelinhas. É uma vergonha! Moro no Varanda e constantemente ouço piadas de mau gosto, pedidos visando as compras que faço no Zona Sul, do tipo “tia me dá o leite que você comprou aí”. Alguma solução deve haver! Temos que nos unir para acabar com isso! Amo residir no Parque das Rosas por poder fazer muita coisa a pé, mas está ficando complicado!

    Responder
  • Rosane Cataldo Peoples

    Sou moradora do Cond. Long Beach e gostaria de registrar 2 problemas que tenho observado no Parque das Rosas: 1) os pais de alunos do colégio Saint Patrick se esqueceram que não se deve buzinar em região de escola e não hesitam em usar as buzinas de seus carros quando vão deixar seus filhos na escola, muitas vezes antes das 7:00 horas, incomodando bastante os moradores dos prédios vizinhos. 2) os proprietários e passeadores de cães não estão recolhendo as fezes dos seus animais. Alguns as deixam em canteiros, com a desculpa que servem de adubo para as plantas. Já pensaram se todos fizessem isso? Não haveriam mais canteiros de plantas, mas sim de fezes. E tenho uma cadela de 5 anos que faz cocô pelo menos 2 vezes a cada passeio. Levo meus saquinhos no bolso ou na mão, coleto as fezes e jogo nas lixeiras espalhadas em todo o entorno do Parque das Rosas. Será que seria muito difícil que todos fizessem assim?
    Minha sugestão: que a escola coloque placas dizendo “Evite buzinar” – já vi isso em uma rua bastante movimentada em Botafogo e dá certo. Que os comdomínios coloquem placas na região incentivando os proprietários de cães a recolherem as fezes de seus animais. É isso.

    Responder
    • AMARosas

      Acredito que a Sra. esteja se referindo ao Colégio Saint John. O colégio é um grande parceiro da AMARosas, e é o adotante da Praça das Rosas. Passaremos o problema para o colégio, mas esta responsabilidade é dos que transitam na area, e que deveriam ter um pouco mais de respeito ao próximo.
      Quanto a questão dos animais, tambem é falta de educação dos donos dos animalzinhos.
      A AMARosas faz campanhas, e procura orientar para que recolham os dejetos de seus animais. Estaremos em breve lançando mais uma campanha neste sentido, e gostaríamos de idéias para divulgar e educar. Contamos com sua participação.

      Responder
  • Marcia Miranda Charneski

    Gostaria de pedir a atenção da AMAROSAS para um assunto que está passando desapercebido no dia a dia das moradoras do Parque das Rosas. A dificuldade que muitas encontram, além da falta de estímulo, para praticar uma atividade física, já que muitas trabalham no Centro, perdem muito tempo com deslocamento e por este motivo, praticam nenhuma atividade física.

    Como acredito que este assunto é uma preocupação da Associação, gostaria de pedir a ajuda de vocês para implementar uma ideia que tive como moradora, mulher e na mesma situação que muitas outras. Sem tempo e sem estímulo para praticar uma atividade física durante a semana à noite ou aos sábados.

    Gostaria de trazer uma professora de Dança do ventre para ministrar aulas ,aos sábados e/ou talvez durante a semana à noite, em algum espaço disponível. A mesma possui espelhos móveis para serem colocados no espaço que for designado às aulas.

    Além de já contarmos com hidroginástica, em muitos prédios do Parque das rosas, para os moradores que possuem disponibilidade pela manhã, e com a academia, principalmente para os homens, as mulheres que trabalham até à noite encontram-se desassistidas, por isso, gostaria de solicitar um espaço para que as aulas fossem ministradas.

    Posso colocar vocês em contato direto com a professora se for do interesse.

    Aguardo as considerações,

    Agradeço pela atenção,

    Márcia Miranda Charneski
    marciacharneski@hotmail.com
    Moradora do Rosa Maior – apt.1608

    Responder
    • AMARosas

      Prezada Márcia.
      Concordo com sua idéia em criar um espaço para prática de atividade física, porem a AMARosas ainda não possui espaço fechado, tornando bastante difícil esta realização. Se por acaso tiver alguma sugestão que possa viabilizar este projeto, nos procure, e sendo algo que venha beneficiar os moradores certamente terá o apoio da AMARosas.

      Responder
  • André Avelino Câmara Neto

    Gostaria de dar meu testemunho sobre o que eu vi neste último domingo nos ceus da Barra da Tijuca na parte da tarde. Estava eu em minha varada no Parque das Rosas, olhando em direção ao Barra Shopping e vi várias manobras de cinco aviões fazendo malabarismo e muita fumaça. Bem não deu para eu ter certeza exatamente onde os aviões estavam fazendo estes malabarismos, mas fiquei preocupado se nos ceus da Barra da Tijuca é permitido esta prática de vôo.

    Responder
    • AMARosas

      Desculpe a demora na resposta, mas tambem vi a esquadrilha da fumaça. Pelo que pude levantar não existe proibição, porem em se tratando de problemas aéreos, temos tambem os Helicopteros do aeroporto de Jacarepagua que após muita briga foi normatizado e eles não podem voar abaixo dos mil pés. A maioria respeita mas sempre tem um abusado que passa abaixo do combinado. Nosso dever é manter a vigilancia e denunciar, se possivel com imagens.
      Quanto a esquadrilha da fumaça vamos levar para as autoridades competentes e verificar os riscos.

      Responder
  • Rafaella Leme

    Mais um pras estatísticas que foi pro céu. Vítima de uma cidade que não se resolve, de uma cidade que se paralisa e se esconde atrás da sua beleza. A gente fica parado no trânsito e se sente feliz por causa da vista, diz que tem um povo alegre, comemora a chegada das Olímpiadas e aplaude o Maracanã que vai ficar pronto pra Copa mesmo com os bilhões gastos desnecessariamente para sua construção. Aplaudimos tudo isso de pé e nos revoltamos com a violência dessa cidade sentados.
    O Guilherme, era um menino de 26 anos, publicitário, que veio pro Rio cheio de sonhos, trabalhei com ele na Giovanni, voltávamos todo dia à pé juntos, pois o nosso endereço era igual, só que eu ficava no 14o e ele ia até o 17o. Agora não vai mais. Sua esposa, agora está só e a dor que carrega é imensurável. Uma bala perdida e fim.

    Esse foi o texto que publiquei na madrugada de ontem no meu facebook. Meu amigo Guilherme, morador do Parque das Rosas, do Rosa do Sol, morreu na noite de 2a feira dia 22/04/2013 na Av das Américas, por causa de uma bala perdida numa troca de tiros entre polícia e ladrões (que assaltavam mais uma vez o ponto de ônibus em frente ao Barrashopping), ele estava atravessando o sinal voltando à pé pra casa do trabalho (o que achávamos um privilégio, morar na Barra e poder andar a pé de casa ao trabalho), mas não conseguiu chegar até a esquina do Marapendi pra andar tranquilamente até o Parque das Rosas e chegar até o seu lar. Ficou no meio do caminho e deixou uma esposa linda e amorosa desolada.

    É muito revoltante, levando-se em conta que não fazem nem 2 meses, que no mesmo lugar houve outro tiroteio, do qual a professora de Ginástica do Rosa do Sol presenciou e conseguiu escapar por sorte com vida.

    Eu mesma, já fiz 3 denúncias só esse ano pro 1746, pra Polícia e pra Prefeitura, comunicando a falta de segurança nessa região. E nada foi feito, NUNCA é.

    Moro no Parque das Rosas e amava esse lugar, mas ele está esquecido, escuro, sem segurança e tomado por flanelinhas e pivetes (em frente ao bares e supermercado Zona Sul).

    Quanto mais de sangue teremos que derramar? Podem me dizer? Temos pra quem pedir ajuda? Me falem? Hoje a tristeza é enorme, mas a revolta é tão grande que preciso gritar e fazer com que as coisas mudem de alguma forma. Vamos juntos?

    Obrigada

    Rafaella, 33 anos, publicitária e moradora do Parque das Rosas.

    Responder
  • Joao Silva

    Gostaria muito de sugerir uma forte campanha para a adoção dos gatos, com a finalidade de dar tratamento adequado a eles e não somente comida.

    Responder
    • AMARosas

      Sua sugestão é boa, e a AMARosas apoiaria, porem pouca gente quer os bichanos em sua casa.
      Estamos abertos a iniciativas que venham resolver este problemas

      Responder
  • Marcio

    Acho o sistema de transportes para quem trabalha no Centro bom. Entretanto algumas coisas poderiam ser ajustadas para ficar melhor:

    - Os ônibus que são considerados expressos deveriam ser expressos de verdade, seja para embarque ou desembarque. Se assim não for, não é expresso e se permitem a subida, poderiam permitir a descida. Algumas pessoas trabalham no Centro e estudam na PUC (Gávea) ou IBMEC (Barra), por exemplo, e não podem saltar.

    - Os horários deveriam ser atualizados com frequência necessária no site. Houve mudança do ponto da Graça Aranha e ainda consta a ABI no roteiro. A informação inclusive desta mudança não foi enviada aos usuários. Vi várias pessoas indo para o ponto errado e só descobrindo a mudança após horas. Eu mesmo fui infomado pelo fiscal da ABM.

    - Os motoristas poderiam ser melhor preparados. Alguns não respondem aos cumprimentos, outros fazem o caminho (o) do roteiro (seguir direto pelas Américas) quando não é previsto no roteiro. E ainda questionam os clientes.

    Responder
    • AMARosas

      Bom dia Sr. Márcio.
      Estou repassando sua solicitação a Coordenadoria de Transportes. Quanto as atualizações no site sempre são feitas quando informados pela Coordenador de transportes. Vamos procurar saber se houve alguma alteração.

      Responder
  • Sergio Almeida Garrido

    A questão da iluminação no Parque das Rosas, me parece um problema antigo e sem muita solução, pois já detectei várias vezes o parque totalmente as escuras, algo deve ser feito para que o prblema seja resolvido definitivamente e não de forma intermitente, I.E. Apaga e Acende..
    Com relação ao abuso de estacionamento ao redor do parque, esse também é um problema sem solução, os caros são estacionados em qualquer lugar, sem respeitar as placas de sinalização, que vale resaltar, só existem os postes de fixação, pois as mesmas foram arrancadas, inclusive carros são estacionados durante o dia nos locais destinados a parada dos onibus do condominio, causando anda mais transtorno no transito com aval dos guardadores credenciados, pois já presenciei o estacionamento no local destinado aos onibus e no interior do carro havia o bilhete de estacionamento pago, outro absurdo.
    Outro fato que venho percebendo é o maior numero de pessoas que dormem na rua ao redor do parque, principalmente na área do Shopping Rosas, Barra Square e Zona Sul, isso é uma coisa que deve ser coibida no inicio, pois se tomar um grande vulto , já era! Não controla mais.
    Flanelinhas, isso é de conhecimento de todos, um grande numero deles estão na nossa região e não se faz nada, nem Policia nem Guarda municipal conseguem eliminar essa questão, os abusos são frequentes, inclusive com brigas entre eles, pondo em risco a segurança das pessoas que circulam na regiaõ.
    O problema de segurança é sério, vejam que o Shopping Rosas contratou seguranças, para nos dar uma falsa sensação de mais segurança.
    Por favor algo tem que ser feito urgente, antes que não se possa mais resolver.

    Responder
    • AMARosas

      Sr Sérgio, bom dia.
      No que se REFERE a iluminação existem 2 questões “RIO LUZ e LIGTH”. No ano passado a Rio Luz fez a troca das luminárias e lampadas por vapor de sódio, aumentando em 40% a luminosidade no Parque das Rosas. O apagão que estava acontecendo se referia a um cabo da ligth, que segundo fui informado já foi substituido.
      O problema de estacionamento irregular se trata de educação e respeito, e quando isto esta faltando o rigor da lei por parte do poder público. Esta puniçaõ deveria ocorrer naturalmente, porem nem sempre acontece desta maneira. A sociedade organizada deve então reivindicar para que a ordem seja restabelecida. Fizemos uma reclamação ao SEOP quanto ao estacionamento nas calçadas, e segundo o Secretário foram aplicadas muitas multas. Fizemos a reclamação ta travessia da Jornalista Ricardo Marinho por cima do canteiro, e a SECONSERVA elevou o meio fio.
      A questão dos flanelinhas que na maioria das vezes dormem pelos cantos do Parque, quem frequenta as reuniões do 31º Conselho Comunitário de Segurança, é testemunha de quanto brigo contra esta pratica. Devemos fazer uma campanha para que não se de dinheiro aos flanelinhas e e nem compre e nem de nada nos sinais.
      Para coibir de fato estas praticas precisamos de um efetivo maior nas polícias e guarda municipal, e o caminho para isto é fazer o registro na delegacia de qualquer delito que ocorra. Obrigado pela sua participação. isto é ser cidadão.
      DEPENDE DE NÓS….CADA CIDADÃO É RESPONSÁVEL.

      Responder
      • Mariana

        Uma boa iniciativa que pode gerar resultados sobre esses flanelinhas seria incentivar os moradores a denunciar tal prática pelo 1746 portal da prefeitura, deixando claro na denuncia que é caso de segurança pública visto que esses flanelinhas agem coagindo a população e depredando bens públicos.
        Este portal da prefeitura funciona muito bem, mas para isso as pessoas tem que fazer sua parte e dedicar alguns minutos, por dia, para fazer a denuncia. Se muitos o fizerem ficará claro que este é um ponto a se dar mais atenção.

        Responder
        • AMARosas

          É exatamente isto que devemos fazer…denúncias ao município através do 1746, para que a Secretaria da Ordem Pública atue com mais frequencia no Parque das Rosas. Tambem denunciar ao 190 da Polícia Militar. Outra atitude muito importante é o famoso boca boca, fazendo uma campanha !NÃO DE DINHEIRO AO FLANELINHA!.

          Responder
  • joao silva

    É realmente lamentavel as pessoas não respeitarem as vagas ao redor do campus da estácio, a rua já é bastante estreita para ser mão dupla e tem gente que para em frente a facultadade ou próximo aos prédios,deixando os carros parados ou mesmo dentro do carro numa ‘rapida’ parada e, o pior é que acham que estão bem parados, Suplico também para solucionar o problema de gatos em garagem ( ora lugar de gato não é na garagem), pois podem estragar sim a pintura de carros. Saliento que melhor que alimentar um gato é dar um lar, ora se pessoas gostam tanto dos bichanos, porque não lhes dar um lar.

    Responder
    • moderador

      Concordo plenamente que calçada deve ser bem conservada, e somente deverá ser usada pelos pedestres. Esta reclamação já foi encaminhada a CET RIO, que já deveria estar multando e rebocando os carros ali estacionados. Vamos insistir.
      Quanto aos gatos nas garagens, é um assunto bastante polemico, e deverá ser tratado diretamente com a Administração do condomínio.

      Responder
      • Joao Silva

        infelizmente a adminstração de meu condominio é omissa, e, pasmen a opinião de uma minoria prevalece
        Realmente urge a cet rio tomar providencias, e, tb iluminar melhor o local. pois o pessoal que só sabe andar de farol alto desregulado é fogo ( bom ai entra o problema educação)

        Responder
  • jose farag de oliveira

    carta enviada ao setor de relaçoes publicas da akxe

    PREZADA SRA

    SOU MORADOR DA BARRA DA TIJUCA, MAIS PRECISAMENTE NO PARQUE DAS ROSAS.

    SOU VIZINHO DA ESTACIO AKXE

    RECENTEMETE MANDEI UMA CARTA AO SR DIRETOR DESTA INSTITUIÇAO, COM VARIAS FOTOS EM ANEXO,PEDIDO UMA PROVIDENCIA, COM RELAÇAO AO ESTACIONAMENTO IRREGULAR NA CALÇADA DESTA CONCEITUADA INTITUIÇAO

    OS VEICULOS ESTACIONAM NA CALÇADA E IMPEDEM A PASSAGEM DOS PEDESTRES, DEFICIENTES FISICO E CRIANÇAS DO COLEGIO PROXIMO

    Há POUCO TEMPO ATRAZ EXISTIA OBSTACULOS QUE IMPEDIAM ESTE ESTACIONAMENTO IRREGULAR E FORAM RETIRADOS

    VALE LEMBRAR QUE EM FRENTE A AXKE EXISTE UM ESTACIONAMENTO DE PREFEITURA COM CENTENAS DE VAGS A 2 REAIS, E DENTRO DA PROPRIA AKXE EXISTE ESTACIONAMENTO COM MUITAS VAGAS.

    E O ÚNICO LUGAR NO PARQUE DAS ROSAS ONDE SE ESTACIONA EM CIMA DA CALÇADA, TENHO MUITAS FOTOS QUE CASO QUEIRA POSSO ENVIAR, MAIS JÁ FORAM ENVIADA AO DIRETOR POREM ESTE, INFELIZMENTE IGNOROU O APELO

    PEÇO A SRA DESCULPAS MAIS, A NECESSIDAE DE UMA PROVIDENCIA E URGENTE,

    A COLOCAÇAO DE APENAS 6 “FRADINHOS” RESOLVEM O PROBLEMA, FACIL E BARATO

    A PAZ DE CRISTO A SRA

    JOSE FARAG DE OLIVEIRA

    Responder
    • moderador

      Sr. José…bom dia.
      Sou morador do Parque das Rosas ha 30 anos, e não me recordo que o Akxe ou Estácio tenham feito algo de bom pelos moradores do Parque. Em primeiro lugar, esta calçada se encontra em péssimo estado de conservação, servindo de verdadeira armadilha para os que transitam pelo local, principalmente os idosos.
      Sem generalizar, alguns comerciantes chegam, instalam seus negócios, ganham seu merecido dinheiro, mas os moradores que se lixem, (em contrapartida temos tambem excelentes comerciantes parceiros).
      Concordo plenamente com sua reclamação, agradeço se puder me enviar as fotos para contato@ama-rosas.com.br que serão encaminhadas a CET RIO para que tomem providencias.

      Responder
  • dulce

    Os assaltos são cada vez mais constantes no Parque das Rosas. Todo dia tomamos conhecimento de alguma ocorrência. Eu mesma já fui assaltada enquanto passeava com meu cachorro, às 21:30h. O policiamento precisa ser reforçado!

    Responder
    • moderador

      Escuto muitos, comentários iguais aos seus, e acredito que parte deles são verdadeiros. Porem quando olhamos para o quadro de estatísticas de roubo de rua em nossa area (Itanhangá, Barra, Recreio, Vargens e Camorim) houve uma acentuada queda nos índices janeiro de 2012 com 134 ocorrencias e novembro de 2012 com 84 ocorrencias. Por este motivo que é muito importante que se faça a ocorrencia na 16ª DP de qualquer delito que venha acontecer. Hoje é muito facil comunicar uma ocorrencia, que pode ser feito até pela internet https://dedic.pcivil.rj.gov.br/principal.aspx . É baseado nestes números que a Secretaria de Segurança controla o número de policiais nos batalhões, e apesar de nossa luta para melhorar o efetivo do 31º BPM, as estatisticas dizem que não. Mesmo assim conseguimos um pequeno reforço e nosso comandante tem priorizado o Parque das Rosas. A Guarda Municipal tambem tem estado bastante presente no Parque das Rosas… Mas sempre devemos lembras que quanto mais registro de ocorrencias tivermos, mais policiais teremos nas ruas.

      Responder
      • dulce

        As estatísticas são baseadas nos registros de ocorrências que abrangem cinco áreas muito distintas não só em tamanho como em densidade demográfica. O Parque das Rosas tem por característica ser um condomínio aberto, com livre acesso, o que o distingue de outros condomínios também na Barra da Tijuca, com exceção da área denominada Jardim Oceânico, que conta com segurança particular em quase todas as ruas. Enfim, a intenção era mesmo registrar e alertar aos moradores. Qualquer outra intenção seria pretensão minha. Se nem mesmo os aparelhos de ginástica para a terceira idade foram importantes o suficiente para não retirarem de nossa praça, imagina pedir policiamento baseado em estatísticas surreais… De qualquer forma, obrigada.

        Responder
  • Rubens

    Ficou muito legal o site novo! Um absurdo o caso dos tiros nos animais do canal marapendi. É preciso que a comunidade reaja! Ouvi também boatos sobre sequestros relampagos na saida da estácio…

    Não duvido que seja o mesmo grupo.

    Responder
  • moderador

    A pedido do Sr. Ivan (Four Seasons), com o conhecimento da comissão de transportes, já fiz o pedido para nossos onibus retornarem ao ponto da Araujo Porto Alegre, em frente a ABI. Estou agendando uma reunião com o Secretário Osório, intermediada pelo vereador Guaraná.

    Responder
  • José Ivan

    Tenho notado dois moradores de rua circulando no Parque das Rosas, ontem 28/01/2013 um deles estava sentado em frente ao Rosa da Praia com seu carrinho de compras.

    Responder
    • moderador

      Caro Ivan.
      Já havia tomado conhecimento sobre este mendigo aqtraves do Rosa da Praia, e solicitei ao Comandante do 31º uma averiguação, que já foi feito. Mas o caso é que não se pode prender, sem que haja um delito. De qualquer forma estão em alerta.

      Responder
  • Newton Godoy

    Gostaria de apresentar uma sugestãopara a Comissão de Transportes do Parque das Rosas: a linha de onibus Metrô que atende os usuarios que pretendem utilizar o metrô na estação Botafogo, poderia ser substituida por uma outra Metrô que fosse para a estação Ipanema, que é o ponto inicial do metrô, facilitando a ida ao centro ou zona norte da cidade. Isso daria mais rapidez e menor tempo nesse deslocamento. A quem preferisse utilizar a estação Botafogo, isso seria possivel através da linha que segue pelo Jardim Botanico. Pensem nisso.Newton

    P.S. : E os aparelhos da Academia da Terceira Idade quando teremos de volta ???? A promessa da Prefeitura foi levada pelas chuvas ???

    Responder
    • moderador

      Prezado Newton
      Sua sugestão foi repassada para a comissão de transportes, e vamos aguardar uma resposta.
      Quanto aos aparelhos da ATI, foram retirados sem prévio aviso pela Secretária Cristiane Brasil, porem o SubPrefeito Tiago Mohamed esta muito empenhado no retorno, e acredito pelo que temos conversado que logo teremos boas novidades.

      Responder
  • Odilon

    Registro minha insatisfação considerando o tempo que levei esperando o ônibus da comunidade do Parque das Rosas no ponto da Av. Graça Aranha e o mesmo já tinha sido transferido para a Rua Araujo Porto Alegre sem que fossemos avisados…Lamentável!

    Responder
  • miriam dias

    Nossas ruas estão extremamente mau iluminadas, quando não estão totalmente às escuras.Quando escurece é impossível circular sem sentir medo.

    Responder
    • moderador

      Em meados de 2012, a pedido da AMARosas, a Rio Luz fez em todo o Parque das Rosas, a troca das luminárias antigas por equipamentos novos, incluindo lampadas de vapor de sódio, que nos deu um ganho em torno de 40% em iluminação. Caso a Sra. tenha conhecimento de alguma lampada apagada, favor informar o local que direcionaremos para a RIO LUZ.

      Responder
  • André Avelino Câmara Neto

    Festas durante as madrugadas no clube Marapendi não deixa ninguem dormir quem mora de frente ao clube aqui no Parque das Rosas.

    Responder
    • moderador

      A reclamação do bartulho no Marapendi, já é antiga e do conhecimento da subprefeitura. já reforçamos este pedido para que seja respeitado o justo sono do morador.

      Responder

© 2012 Amarosas

Vá para o topo